quarta-feira, 13 de novembro de 2013

Já plantou a árvore de sua vida?



Plantar uma árvore, ter um filho e escrever um livro - uma frase que povoavam livros, cadernos e lições de moral na romântica geração dos anos 70. Achávamos linda essa frase do cubano José Marti e a colocávamos como um projeto de vida.

É uma árvore exótica muito comum em Araguari. Compõe o visual de muitas calçadas e proporcionam uma sombra de causar inveja, nesses dias de calor infernal. O ficus é uma planta originária da Ásia e se tornou popular no Brasil devido ao fato de não desfolhar com facilidade, evitando o trabalho de varrição. Tudo que dá trabalho no Brasil desanima o "povo", não é mesmo?

Dias atrás, a Câmara Municipal de Araguari aprovou projeto proibindo o plantio dessa espécie (ficus benjamina). As existentes, por lei, deverão ser retiradas e substituídas por outras mais adequadas aos espaços públicos até dezembro de 2017. Quem vai retirá-las? O proprietário do imóvel ou funcionários da prefeitura? Imagino o número delas pela cidade. Eu, por exemplo, tenho duas em frente ao meu consultório e não fui eu o patrocinador. Uma tarefa hercúlea! Não é somente arrancá-las,  pois isso inclui suas potentes raízes. De repente, se não formos criteriosos corremos o risco de "pelar" a cidade como aconteceu com as sibipirunas da Praça Manoel Bonito ou mesmo com o solitário ipê em frente ao Colégio Nacional, para citar alguns exemplos.

O que não se permite mais é desnudar a cidade da pouca cobertura vegetal que possuímos em nossas vias públicas, que provoca o aumento da temperatura.Não podemos trocar uma "selva de árvores" por uma selva de concreto e asfalto.

2 comentários:

  1. Não sou contra em tirar a arvore ficus porque sei que a raiz dela faz um estrago muito grande mas se vão aranca-la tem que substituir por ourtra espécia de árvore estou certo ou errado.

    ResponderExcluir